Bolsonaro bate recorde de avaliação negativa com 53% de reprovação, diz Datafolha

Pesquisa foi feita presencialmente em 190 municípios de todo o País

FOLHA DE SÃO PAULO


Foto Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro bateu novo recorde de avaliação negativa. Segundo pesquisa Datafolha, divulgada nesta quinta-feira (16), o chefe da nação é reprovado por 53% dos entrevistados.

O penúltimo levantamento do Instituto, feito em julho, mostrava que o presidente tinha 51% de reprovação.

Positiva

Ainda conforme a pesquisa divulgada nesta quinta-feira, 22% avaliam o presidente como ‘’Bom ou Ótimo’’. Esse percentual representa oscilação negativa em relação à pesquisa de julho, quando o ‘’capitão’’ tinha 24%.

Os que consideram Bolsonaro como ‘’regular’’ somam 24%, sendo o mesmo índice de mês sete.

A pesquisa foi realizada dos dias 13 a 15 de setembro, onde 3.667 pessoas com mais de 16 anos foram ouvidas presencialmente, em 190 municípios de todo o país. A margem de erro é de dois pontos para mais ou menos.

Análise

Segundo análise da Folha de São Paulo, os atos de 7 de Setembro, quando Bolsonaro ameaçou as instituições e ofendeu ministros do Supremo Tribunal Federal, representaram uma queda no apoio ao presidente entre a população.

No entanto, segue o texto, o fato dele ter recuado das intenções golpistas não trouxeram impacto perceptível na forma de uma queda abrupta da base de apoio dele. Já nas redes sociais, após a divulgação da carta de apaziguamento, houve registro de queda no apoio e nas interações sobre o presidente.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE