Ex-vereador de Nova Andradina é preso pela SIG acusado de furto de insumos agropecuários

As 10 ton de bagaço de cana-de-açúcar pertencem à Prefeitura Municipal

DA REDAÇÃO / IMAGENS: POLÍCIA CIVIL/DIVULGAÇÃO


Foto Divulgação

Oex-vereador Aparecido Soares de Oliveira, de 57 anos, popular Cido Pantanal, foi preso em flagrante pela SIG (Seção de Investigações Gerais) da 1ª Delegacia de Polícia Civil, sob acusação de furto de insumos agropecuários pertencentes à Prefeitura Municipal e avaliados em mais de R$ 20 mil. Prisão e recuperação dos produtos foram nesta terça-feira (28), em sua propriedade rural no Assentamento Teijin.

Segundo o delegado titular da SIG, Guilherme Scucuclia Cezar, as diligências aconteceram desde esta segunda-feira (27), quando os policiais começaram a investigar a denúncia de que os insumos, do tipo bagaço de cana-de-açúcar, muito comum para alimentação de gado e animais do campo, estariam sendo subtraídos da Prefeitura Municipal e sendo vendidos.

 

No sítio do suspeito, os agentes encontraram o produto furtado, armazenados em sacos menores, prontos para a venda. As 10 toneladas de insumo encontradas na propriedade estão avaliadas em R$ 20 mil, segundo o delegado.

As informações apuradas pela reportagem, são de que a subtração estaria ocorrendo desde a última sexta-feira, quando funcionários da Prefeitura começaram a dar falta dos insumos e nesta segunda-feira, um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de Polícia.  

O suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina, onde foi autuado em flagrante por furto qualificado pelo concurso de pessoas, uma vez que a linha de investigação, aponta outros envolvidos no esquema, que podem ser presos no decorrer das diligências. A caminhonete do ex-vereador foi apreendida.

 

Outros detalhes serão preservados a fim de garantir a autonomia do trabalho policial. O caso é investigado por meio de Inquérito Policial instaurado pela Delegacia de Polícia. Não foi arbitrada fiança.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE