Acusado de exploração sexual é preso por policiais civis

JORNAL DA NOVA


Na quarta-feira (12), a DEPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e Adolescente), em cumprimento a mandado de busca e apreensão domiciliar, prendeu em flagrante delito um homem, de 27 anos, técnico em informática, morador no bairro Aeroporto, em Corumbá. 

 

Ele é suspeito de compartilhar, armazenar e vender fotos e vídeos de crianças e adolescentes com conteúdo pornográfico. O acusado confirmou em interrogatório a prática delitiva, sendo que baixava os conteúdos de pedofilia da internet e os vendia para compradores internacionais.

 

A DEPCA alerta a prática desse crime implica em pena de até 12 anos de prisão.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE