Segunda maior cidade de MS, Dourados pode ter segundo turno nas eleições pela primeira vez

Tradicionalmente, somente em Campo Grande é realizado o segundo turno devido ao número eleitores

MIDIAMAX


Foto Divulgação

Mais de dois milhões de eleitores sul-mato-grossenses devem ir às urnas em 6 de outubro para eleger os futuros prefeitos e vereadores nas eleições de 2024. Tradicionalmente, apenas em Campo Grande ocorre o segundo turno devido ao número de eleitores, mas será que este cenário poderia mudar neste ano?

No último Censo Demográfico, realizado em 2022 pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o município de Dourados, a 229 km de Campo Grande, chegou a marca de 243.367 habitantes, continuando como a segunda maior cidade do Estado.

O resultado representa quase 50 mil moradores a mais desde o último levantamento, realizado em 2010, quando o município registrava 196.035 habitantes. São 47.873 pessoas a mais na cidade, o que representa crescimento de 24,42%.

O aumento de moradores e, consequentemente, de eleitores, seria suficiente para que o município tenha segundo turno nas eleições municipais?

A regra do segundo turno não é aplicada em todos os municípios. Conforme o TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o segundo turno é realizado nas eleições para cargos do executivo federal (Presidente da República), estadual (governador e vice-governador) e municipal (prefeito e vice-prefeito) nas cidades com mais de 200 mil eleitores.

São eleitos em primeiro turno os senadores, deputados federais, deputados estaduais e vereadores. Entram nessa conta também os prefeitos e vice-prefeitos de municípios com menos de 200 mil eleitores.

No caso das cidades que se enquadram nos critérios, o que define a possibilidade de segundo turno é se algum candidato obtém a maioria absoluta de votos, ou seja, mais da metade dos votos válidos (excluídos os votos em branco e os votos nulos).

Será promovido o segundo turno com os dois postulantes mais bem votados no primeiro turno caso não seja obtida essa marca por nenhum candidato.

Dourados pode ter segundo turno?
Com o aumento da população, Dourados poderia ter segundo turno em 2024? A resposta é não. O motivo está ligado à regra eleitoral que determina que a segunda ida à urna é obrigatória apenas nos municípios com mais de 200 mil eleitores, o que não é o caso de Dourados.

Conforme o TRE-MS, a segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul possui 163.387 mil eleitores, 8,031% do Estado. Assim, somente Campo Grande permanece com a possibilidade de ter um segundo turno nas eleições de 2024, reunindo 646.555 (31,782 %) do eleitorado do Estado.

Em 2024, um eventual segundo turno deve ocorrer no último domingo do mês, em 27 de outubro.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE